Pular para o conteúdo

Como plantar pitaya no chão, dicas essenciais para cultivar a fruta do dragão!

Como plantar pitaya no chão

Se você gosta da exótica fruta do dragão, é muito interessante que confira nesse artigo como plantar pitaya no chão do seu quintal! Assim você poderá colher frutas fresquinhas na direto da sua casa!

O que é pitaya?

Pitaya, também conhecida como fruta do dragão, é uma fruta exótica originária do México, América Central e América do Sul, mas atualmente cultivada em várias partes do mundo. A pitaya é conhecida por sua aparência única e vibrante, com uma cascata escamosa que varia de cor de rosa a vermelho brilhante.

A polpa da fruta é branca ou avermelhada, com sementes pretas e pequenas. É uma fruta comestível, com um sabor doce e suave que é frequentemente descrito como uma mistura de kiwi, melão e pera. A pitaya é uma boa fonte de vitamina C, fibras e antioxidantes, e é frequentemente consumida como um lanche saudável ou como ingrediente em receitas de sobremesas, smoothies e saladas.

Por que a pitaya é conhecida como fruta do dragão?

Como plantar pitaya no chão
Como plantar pitaya no chão Foto: Pixabay

A pitaya é conhecida como fruta do dragão devido à sua aparência peculiar, com uma casca escamosa que lembra a pele de um dragão. Além disso, sua aparência exótica e colorida é frequentemente associada à ideia de uma criatura mítica como um dragão. A origem do nome “pitaya” vem da palavra em espanhol “pitahaya”, que por sua vez é derivada da palavra em Taino, um idioma indígena das ilhas do Caribe, que significa “fruta escamosa”.

A fruta do dragão é nativa da América Central e foi introduzida em outras partes do mundo, como Ásia e Austrália. A pitaya é uma fruta popular em muitas culturas culinárias, onde é apreciada tanto por seu sabor doce e suave quanto por sua aparência exótica.

Como plantar pitaya no chão?

A pitaya é uma fruta exótica e nutritiva, e pode ser plantada no chão seguindo algumas etapas. Aqui estão os principais passos para o plantio de pitaya no chão:

Você vai precisar de:

  • Uma pitaya madura;
  • Uma faca própria para frutas;
  • Um vaso grande (de 40 cm para cima);
  • Areia esterilizada;
  • Argila com manta bidim;
  • Substrato rico em matéria orgânica;
  • Terra para plantar a pitaya;

Passos:

  • Escolha uma área ensolarada: a pitaya precisa de pelo menos seis horas de sol direto por dia, portanto, escolha uma área que receba bastante luz solar.
  • Prepare o solo: a pitaya cresce melhor em solos bem drenados e férteis. Adicione composto orgânico ao solo para aumentar a fertilidade e a capacidade de retenção de água. Plante as mudas: cave um buraco de cerca de 50cm de profundidade e 50cm de largura. Coloque as sementes e encha-o com solo.
  • Regue regularmente: a pitaya precisa de água regularmente para crescer. Regue-a cerca de uma vez por semana, ou com mais frequência em épocas de seca.
  • Forneça suporte: a pitaya é uma planta trepadeira e precisa de suporte para crescer verticalmente. Coloque uma treliça ou um poste perto da planta e amarre a planta conforme cresce.
  • Adubar: a pitaya precisa de nutrientes adicionais para crescer. Aplique fertilizante orgânico rico em antibióticos e potente a cada 2 a 3 meses.

Lembre-se de que o plantio de pitaya no chão pode levar um tempo para produzir frutos. No entanto, com os cuidados adequados, você pode colher frutas deliciosas e saudáveis ​​diretamente do seu quintal!

Veja também: Confira a melhor maneira de cultivar pitaya em casa!

Como plantar pitaya através de mudas

Muda de pitaya
Muda de pitaya Foto: Pixabay

Plantar pitaya através de mudas é uma das formas mais comuns e fáceis de se cultivar essa fruta exótica. Aqui estão os passos para plantar pitaya através de mudas:

  • Escolha uma muda saudável: certifique-se de escolher uma muda saudável e bem desenvolvida. Procure por uma muda que tenha um sistema radicular bem desenvolvido e que não apresente sinais de doença ou pragas.
  • Prepare o solo: escolha uma área ensolarada e bem drenada para plantar a muda de pitaya. Adicione composto orgânico ao solo para melhorar sua fertilidade e capacidade de retenção de água.
  • Cave um buraco: cave um buraco no solo que seja grande o suficiente para acomodar a muda. Certifique-se de que o buraco seja profundo o suficiente para que as raízes da muda possam se estabelecer livremente.
  • Plante a muda: coloque a muda no buraco e preencha o buraco com terra. Certifique-se de que a muda esteja nivelada com o solo circundante.
  • Regue a muda: regue a muda imediatamente após o plantio para garantir que ela receba água suficiente para se estabelecer.
  • Fertilize a muda: aplique um fertilizante orgânico rico em fermento e potássio para ajudar a muda a se estabelecer e crescer.
  • Cuidado contínuo: certifique-se de observar a muda regularmente, podar os ramos e remover quaisquer ervas daninhas que possam crescer ao redor dela.

Com os cuidados adequados, a muda de pitaya crescerá rapidamente e produzirá frutas deliciosas em alguns anos. Lembre-se de que a pitaya é uma planta tropical e precisa de sol, calor e umidade para crescer bem.

Qual o clima ideal para plantar pitaya?

A pitaya é uma planta tropical e prefere climas quentes e úmidos. O clima ideal para plantar pitaya é quente e úmido, com temperaturas externas entre 20°C e 30°C e uma umidade relativa do ar de cerca de 60% a 80%. Ela pode ser cultivada em regiões com temperaturas mais baixas, mas precisa de cuidados especiais para protegê-la do frio.

A pitaya é sensível a geadas e temperaturas abaixo de 10°C podem danificar ou matar a planta. Portanto, se você mora em uma região com invernos frios, pode ser necessário cultivar a pitaya em estufas para protegê-la do frio. Além disso, a pitaya também precisa de muita luz solar direta, portanto, escolha uma área ensolarada para plantá-la.

Iluminação adequada

A pitaya é uma planta que precisa de muita luz solar direta para crescer e produzir frutos. Idealmente, a pitaya deve ser exposta a pelo menos 6 horas de luz solar direta por dia. Em regiões com clima quente e úmido, é melhor escolher um local ensolarado para plantar uma pitaya.

No entanto, em algumas situações, pode ser necessário fornecer iluminação artificial para a pitaya. Isso pode ser necessário em áreas onde a luz solar direta é limitada ou em locais com invernos frios, onde a quantidade de luz solar pode ser insuficiente para a planta.

Nesses casos, é possível usar lâmpadas de crescimento ou luzes LED para fornecer luz adicional à pitaya. As lâmpadas de crescimento geralmente emitem luz na faixa de espectro azul e vermelho, que são os núcleos de luz que a planta precisa para crescer e produzir frutos. As luzes LED também podem ser usadas para fornecer luz suplementar à planta.

Rega

Regador
Regador Foto: Canva

A pitaya é uma planta tropical, e por se tratar de um cacto ela é uma planta sensível ao excesso de água, por isso precisa de uma quantidade adequada de água para crescer e produzir frutas saudáveis.

A quantidade de água necessária para regar a pitaya depende do clima e das condições locais, mas, em geral, a planta precisa ser regada regularmente durante os períodos de calor, quando a terra aparentar estar seca!

A rega deve ser feita sempre que o solo estiver seco ao toque, mas evite encharcar o solo. Uma boa dica é tocar o solo com o dedo para sentir se ele está seco ou úmido. Se estiver seco, é hora de olhar a planta.

No outono e no inverno, a rega deve ser reduzida. Nessa época, a planta precisa de menos água, além de já armazenar água em suas folhas, mas ainda é importante mantê-la minimamente hidratada para que não resseque! Portanto, certifique-se de que o solo tenha uma boa drenagem e não acumule água em excesso.

Solo

O cultivo da pitaya requer um solo bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica. É importante que o solo tenha uma boa capacidade de retenção de água, mas sem que fique encharcado, pois o excesso de umidade pode levar ao apodrecimento das raízes e comprometer a saúde da planta.

Antes de plantar uma pitaya, é recomendado fazer uma análise do solo para verificar sua composição e pH, e assim, se necessário, realizar ajustes para garantir as condições ideais de cultivo. É importante também que o solo seja bem drenado e que a água não fique acumulada na superfície, pois isso pode prejudicar o desenvolvimento da planta e favorecer o aparecimento de doenças.

Veja também: Como cultivar morangos, confira passo a passo completo!

Quanto tempo leva para produzir frutos?

Pitaya no pé
Pitaya Foto: Pixabay

É comum que o cacto da pitaya demore cerca de 3 a 5 anos para começar a produzir frutos. Isso ocorre porque a planta precisa atingir um certo grau de maturidade antes de iniciar a produção de frutos.

Durante os primeiros anos de crescimento, é importante fornecer um cuidado especial à planta para garantir que ela se desenvolva bem e atinja a maturidade necessária para produzir frutos. Isso inclui a escolha de um solo adequado, adubação regular, irrigação adequada e proteção contra pragas e doenças.

Após o início da produção de frutos, é importante continuar cuidando da planta para garantir que ela produza frutos saudáveis ​​e de boa qualidade. Isso inclui a poda adequada, a proteção contra pragas e doenças e a manutenção de um ambiente adequado para o crescimento da planta. Com os cuidados adequados, um cacto de pitaya pode continuar produzindo frutos por muitos anos.

E aí, gostou?

Se você gostou desse artigo sobre como plantar pitaya no chão, deixe um comentário abaixo nos contando! Agora ficou bem mais fácil, não é mesmo? Mas se ainda restaram dúvidas, pode deixar abaixo nos comentários também! Para mais artigos como esse acompanhe o Portal KD e deixe as suas estrelinhas!

Veja também: Todas as principais formas de cuidar de cacto, confira agora!

Perguntas frequentes

O que é Pitaya e por que ela é conhecida como fruta do dragão?

Pitaya é uma fruta exótica originária do México, América Central e América do Sul, mas atualmente cultivada em várias partes do mundo. A pitaya é conhecida por sua aparência única e vibrante, com uma cascata escamosa que varia de cor de rosa a vermelho brilhante. É uma fruta comestível, com um sabor doce e suave. Ela é conhecida como fruta do dragão devido à sua aparência peculiar, com uma casca escamosa que lembra a pele de um dragão.

Qual é o solo ideal para plantar pitaya?

O solo deve ser bem drenado, fértil e rico em matéria orgânica, ele deve ter uma boa capacidade de retenção de água, mas sem que fique encharcado, pois o excesso de umidade pode comprometer a saúde da planta. Antes de plantar uma pitaya, é recomendado fazer uma análise do solo para verificar sua composição e pH.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Afiliado