7 dicas de decoração criativa para empresas

4 minutos de leitura

Você se importa com a decoração de sua empresa? Você sabia que ela pode dizer muito sobre sua marca, ou produto? Pensando nisso, resolvemos mostrar aqui 7 dicas de decoração criativa para empresas. Confira!

De acordo com pesquisas, o índice de aprovação dos clientes sobe muito quando uma loja, ou empresa, é atraente e apresenta um capricho com a decoração dos ambientes, fachadas, vitrines…

Ou seja, de nada adianta contratar um bom gestor, investir em uma Agencia de Inbound Marketing e acabar esquecendo da decoração, é preciso entender que a decoração é uma importante forma de comunicação com o público, causando diferentes percepções que, podem sim, influenciar na aceitação maior de uma empresa.

E não adianta só ter um visual bonito e elegante, é preciso funcionar a favor da qualidade de vida no trabalho e, claro, em prol da produtividade. 

Mas para colocar tudo isso em prática, confira nossas 7 dicas de decoração criativa para empresas! 

1. Considere a cultura da empresa

Certamente, o ideal é criar um visual que demonstre todo o potencial de sua empresa,  por isso, cuidado para não acabar apostando em tendências de decoração ou estilos que ficariam ótimos no Home Office de sua casa, mas não funcionam na sua empresa, pois não dizem quem é sua marca. 

Para um escritório mais jovial, jovial, por exemplo, vale apostar em um visual mais informal, leve e vibrante, com cores fortes e objetos criativos.

É preciso entender que uma decoração de escritório empresarial deve estar ligada à cultura da organização, sendo um aspecto fundamental para o engajamento dos colaboradores e uma percepção mais positiva dos clientes. 

Decoração criativa em escritório
Decoração para escritórios pode ser feita com tijolos. Foto: Pixabay

2. Invista em ergonomia

A beleza jamais deve ser o principal critério considerado na hora de comprar a mobília de seu escritório. Primeiramente, é preciso considerar a ergonomia, pois o colaborador precisa ter condições adequadas para a realização de seu trabalho e conforto, até mesmo a produtividade acaba ganhando pontos.

3. Cores adequadas

Todo mundo já sabe que as cores podem, sim, influenciar nosso estado de espírito, por isso, é muito importante saber usá-las corretamente, por exemplo, optando por aquelas que estimulem a produtividade em seu escritório.

E é sempre fundamental considerar o equilíbrio na hora de fazer as escolhas, pois os excessos podem gerar o efeito contrário ao que você deseja. Por isso, prefira sempre usar cores neutras como base de sua paleta, justamente, para equilibrar o visual e combinar bem com todas as tonalidades.

Outra dica é considerar o tamanho do espaço, se for um escritório pequeno, optar por usar cores claras. 

Um outro aspecto a considerar é se a empresa é mais tradicional, nesse caso, tons escuros (como marrom) caem sempre bem, transmitindo credibilidade e seriedade, só não exagere para que o ambiente não fique muito pesado, a dica é investir em cores leves nos detalhes e objetos.

No caso, por exemplo, de ser uma empresa que trabalha com criatividade, vale apostar em tons estimulantes, como amarelo, laranja e turquesa, que são ótimas opções, procurando mesclar com cores neutras e suaves. 

4. Móveis funcionais

Tal como a ergonomia, é preciso que o mobiliário facilite o trabalho no escritório, para favorecer a produtividade.

É fundamental pensar na praticidade, considerando as necessidades de cada empresa.

5. Integração entre os setores

Hoje a tendência é que os setores se comuniquem, para isso, pensar em uma decoração integrada é uma ótima ideia, só é preciso considerar ter um lugar mais reservado para tratar de assuntos sigilosos, ou mesmo, para tarefas que requerem silêncio e concentração.

Uma solução pode ser a instalação de divisórias em alguns ambientes, garantindo a privacidade. 

6. Mais natureza na decoração

Outra dica é lançar mão de elementos naturais em seu projeto de decoração, apostando em plantas que se adaptam a locais fechados, ou mesmo,  aquários, que não requerem tantos cuidados e ajudam a dar um visual bem bacana à qualquer empresa. 

7. Iluminação inteligente

Por último, mas nem por isso menos importante, muito pelo contrário, é preciso saber fazer um bom uso da iluminação, considerando o efeito visual e o conforto dos colaboradores. 

Enquanto luzes amareladas deixam o ambiente mais aconchegante, pelas podem dificultar a leitura, já as brancas, facilitam a leitura e a concentração, mas passam a sensação de frieza. Por isso, a dica é usar muita luz natural, com grandes janelas de vidro, ou, se não puder, ao menos, tente manter  o equilíbrio da luz amarela coma luz branca. 

E é isso, essas são nossas dicas, aproveite-as e acerte na decoração de sua empresa. Não se esqueça de compartilhar e deixar o seu comentário aqui no KD!

Web Stories Recentes

Avalie este artigo

Avalie post
Isabella Coutinho Schmidt
Isabella Coutinho Schmidt
Tenho 20 anos, estou na 5 fase de fisioterapia e sou apaixonada por decoração e paisagismo, adoro escrever e compartilhar meus conteúdos na internet. Atualmente sou responsável pelas publicações KD, diariamente trazendo novos conteúdos para vocês.

Posts Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.

Aprenda a fazer uma pequena estufa para sua horta – 10 ideias e fotos Suculenta Rabo de Burro – saiba como cultivar em vasos Aprenda a cultivar funcho e veja 7 benefícios e formas de consumo Conheça a planta Chanana – medicinal, comestível e de fácil cultivo Planta Chuva de Prata – Aprenda como cultivar e 5 dicas essenciais
Aprenda a fazer uma pequena estufa para sua horta – 10 ideias e fotos Suculenta Rabo de Burro – saiba como cultivar em vasos Aprenda a cultivar funcho e veja 7 benefícios e formas de consumo Conheça a planta Chanana – medicinal, comestível e de fácil cultivo Planta Chuva de Prata – Aprenda como cultivar e 5 dicas essenciais