Guirlandas de Natal7 minutos de leitura

Share on facebook
Share on twitter
Share on pinterest
Índice do conteúdo:

Pensando em dar aquela personalizada na decoração de guirlandas de Natal na sua casa neste fim de ano? Então confira a seguir um pouco da história e dicas para fazer sua própria guirlanda em casa.

As guirlandas de Natal possuem diversos significados, entre eles estão os de proteção, saúde e boas-vindas. Este símbolo é utilizado em várias das civilizações como Egito, Grécia e Roma antiga.

Hoje, as guirlandas de Natal são usadas como um símbolo natalino, um dos preparativos para a tão esperada chegada do filho de Deus, celebrado no dia 25 de dezembro.

As guirlandas de Natal são enfeites geralmente compostos por frutas, flores, ramos de pinheiro ou cipreste, enfeites de Natal, laços, bexigas… enfim, há guirlandas de Natal para todos os gostos.

Para você que gosta de tudo com a sua personalidade e se importa e ter itens confeccionados por você, então por que não fazer as suas próprias guirlandas de Natal?

Primeiro é necessário saber com qual material vai trabalhar para a realização de suas guirlandas de Natal.

Elas podem ser feitas a partir de folhas de papel, bexigas de festa de aniversário, isopor, enfeites natalinos, ramos de flores artificiais, rolhas de vinho ou até mesmo com garrafas pets e outros materiais recicláveis.

Conheça a seguir um pouco da história das guirlandas de Natal e veja dicas incríveis para você confeccionar a sua própria peça de guirlanda e arrasar neste Natal com enfeites decorativos exclusivos, com personalidade única. Confira!

Guirlandas de Natal
Guirlandas de Natal. Foto: Pixabay.

Um pouco da história das guirlandas de Natal

A história das guirlandas de Natal surgiu há muito tempo. Antigamente, no Norte, havia a superstição que itens como pinheiro, heras, azevinho e outras plantas ofereciam proteção contra demônios e bruxas durante o inverno. A má sorte também era contida.

A igreja católica também aderiu a esta superstição e durante o Natal (que no Norte ocorria durante o inverno) foram criadas as guirlandas como forma de proteção. Hoje, apenas a nível decorativo.

No cristianismo, as guirlandas natalinas foram incorporadas apenas no século XIX, chamada como coroa do advento. Era utilizado no período que antecedia o Natal: quatro semanas antes do dia especial.

Junto a tal coroa do advento, eram colocadas quatro delas coloridas e a cada domingo, uma delas era acesa. Junto compunham ramos e flores.

Hoje temos guirlandas de vários materiais, não apenas os naturais como antigamente. Encontramos guirlandas de Natal com material reciclado, de crochê e diversos outros materiais, basta utilizar a criatividade.

Como fazer suas próprias guirlandas de Natal

Com uma infinidade de modelos disponíveis no mercado, nem sempre encontramos as guirlandas de Natal de nosso gosto, com nossa personalidade. E é no Natal, principalmente, que queremos realizar decorações que expressem suas emoções, gostos e fantasias.

E por que não expor tudo isso na confecção de uma guirlanda, que geralmente é um dos itens fundamentais para a decoração natalina de uma residência, comércio ou empresa?

Veja a seguir 3 dicas para você produzir suas próprias guirlandas de Natal sem dificuldades e com materiais fáceis de ser encontrado.

Guirlanda de tampa de garrafa

Materiais:

  • 1 base de isopor em formato de círculo;
  • Cola quente;
  • Tampinhas de garrafa;
  • Fita para o laço; e
  • Fita decorativa fina.

Coloque a guirlanda numa mesa coberta com jornal ou algum outro tipo papel da sua preferência por prevenção a possíveis sujeiras.

Em seguida, limpe as tampinhas de garrafa. Se preferir, você pode pintar as tampinhas com a cor de preferência.

Antes de começar colocar, organize as tampinhas em volta da base de isopor para definir qual é a melhor posição para as tampinhas formarem a sua guirlanda de Natal.

Após analisar, cole as tampinhas na parte da frente da base de forma circular de fora para dentro.

Comece formando um círculo grande, até que cubra as bordas da base do isopor. Em seguida, faça o mesmo procedimento criando círculos internos menores até que todo o isopor fique coberto pelas tampinhas.

É muito importante que não haja espaços em branco na sua guirlanda de Natal.

Para concluir, corte uma fita decorativa da mesma cor definida para as tampinhas. Nesta etapa, será necessário aproximadamente 1,5m a 2 metros de fita. Circule a guirlanda com a fita e faça um laço na ponta da fita para enfeitar a guirlanda.

Para fixar a sua guirlanda de Natal personalizada com tampinha de garrafa pet na porta, use 20 cm da fita fina. Cole na guirlanda em forma de gancho e está pronto. Basta prendê-la na porta e aguardar a data tão esperada.

Guirlandas de Natal com pinhas

Materiais:

  • 1 base de isopor em formato de círculo;
  • Cola quente;
  • Várias pinhas;
  • Fita para o laço; e
  • Fita fina.

Forre uma mesa com pedaços de jornal ou algum outro material apenas para evitar que respingos de material danifiquem sua mesa.

Coloque os produtos para montar sua guirlanda de Natal em cima da mesa e analise a melhor forma de colocar as pinhas, o que pode não ter padrão por conta dos tamanhos variados deste item.

Quando definir, cole as pinhas com a cola quente até que todo o isopor esteja coberto por elas. Você pode dar acabamentos com laços ou pedaços de trigo para dar aquele efeito Natalino.

Enfeites de Natal como bolinhas, caixinhas de presente também ficam bem legais em guirlandas de Natal feitas com pinhas.

Para concluir, corte uma fita de cor da sua preferência, será necessário em torno de 1,5m a 2 metros de fita. Circule a guirlanda com a fita e faça um laço na ponta da fita para enfeitar a guirlanda.

Para prender a Guirlanda na porta use 20 cm da fita fina cole na guirlanda em forma de gancho. E está pronto é só prender na porta!

Guirlandas de Natal com rolhas de vinho

  • 1 base de isopor em formato de círculo;
  • Cola quente;
  • Rolhas de vinho (lavadas);
  • Fita para o laço; e
  • Fita fina.

A confecção da guirlanda com rolhas de vinho é muito próxima as outras. Basta você repetir os procedimentos das duas dicas anteriores e realizar o acabamento com os acessórios de sua preferência.

Perguntas Frequentes

Qual o significado da guirlanda de Natal?

A guirlanda de Natal é uma tradição milenar que pode conter vários significados, no entanto, o mais famoso entre eles é que ela funciona como um símbolo de sorte, como uma espécie de convite para o espírito natalino, entre nas casas, trazendo amor e fraternidade.

Como fazer uma guirlanda de Natal?

A guirlanda de Natal é tradicionalmente redonda, no entanto, ela pode ser feita de qualquer tamanho e com qualquer material. O mais comum é que elas sejam de bolas de natal, ou folhas, flores e frutos artificiais. Mas ela pode ser feita também com balas, itens decorativos em feltro, papel e muito mais.

Onde a guirlanda de Natal deve ser colocada?

Por se tratar de um enfeite que simboliza um convite ao espírito natalino, o mais comum é que elas sejam colocadas nas portas de entrada das casas. No entanto, a guirlanda de Natal pode ser colocada em outros lugares como janelas, lareiras, ou mesmo próximas às árvores de Natal.

Quando a guirlanda de Natal deve ser colocada?

Segundo a igreja católica, o dia correto para montar a árvore de Natal é 30 de novembro e, assim como ela, a guirlanda também pode ser colocada na mesma data. Vale dizer que, seguindo o calendário católico, o dia para a retirada de todos os enfeites natalinos é 6 de janeiro, no Dia de Reis.

Avalie este artigo

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 − sete =

Utilizamos cookies para oferecer melhor experiência, melhorar o desempenho, analisar como você interage em nosso site e personalizar conteúdo. Ao utilizar este site, você concorda com o uso de cookies.