Aprenda a cultivar a Espada de São Jorge. E saiba também curiosidades sobre a planta

Espada de São Jorge: 8 tipos, cuidados e curiosidades

Originária da África do sul, aqui no Brasil, tornou-se símbolo de algumas religiões. Como por exemplo, na umbanda ela significa espada ou lança de Orixá. 

ORIGEM

Apesar de toda Sansevieria ser chamada de espada de são Jorge, na verdade existem mais de 130 espécies inclusas, e algumas são usadas como plantas ornamentais.

SANSEVIEIRA

No fundo do vaso coloque argila expandida, e cubra com bidim, para drenar a água. Coloque areia peneirada para evitar que o composto orgânico encharque e apodreça a raiz.

COMO PLANTAR

Esta planta não necessita de muita água, no inverno pode regá-la apenas uma vez a cada dez dias, e no verão, basta regar de uma a duas vezes por semana.

REGAR

Atente-se em regar sua planta corretamente, não deixando-a exposta ao sol á temperaturas à cima de 30 graus e nem abaixo de 10, sempre de olho na hora de trocar de vaso.

COMO CUIDAR

Adube uma vez ao ano, utilizando duas colheres do adubo granulado NPK 10-10-10, diluído em 2 litros de água, e regue a planta quando o substrato já estiver úmido.

ADUBAÇÃO

Esta planta tem preferência por ambientes de meia-sombra, onde possam receber contato direto e indireto de luz solar. Maio e julho são os meses ideais para seu plantio.

CUIDADOS

Conforme a planta se desenvolve, é importante troca-la de vaso, e a hora certa para isso é quando as suas raízes preencherem o espaço do vaso em que ela está.

DICAS

Algumas pessoas acreditam que a espada de São Jorge espanta mal olhado e energias negativas. Planta muito resistente, nos protege de coisas ruins que possam acontecer.

CURIOSIDADES